3.000 LÍNGUAS PRECISAM DA BÍBLIA


Embora a tradução da Bíblia esteja a avançar mais depressa do que nunca (cerca de 2.200 línguas já têm a Bíblia ou porções na sua língua), há ainda 3.000 línguas que precisam das Boas Novas traduzidas. Muitas destas línguas são faladas em regiões inacessíveis ou onde campeia a guerra. Se o ritmo atual for observado vai ser necessário chegar ao ano 2050 para se começar o trabalho de tradução em todas as línguas. Por causa disso, a Wycliffe criou a "Visão 2025", um plano que pretende incrementar projectos de tradução para comunidade que precisa até ao ano 2025. O projecto exige parcerias com Igrejas locais, seminários e escolas Bíblicas, agências missionárias e outras instituições cristãs. As necessidades são globais, no entanto, há três áreas mais carenciadas: África Central, com 800 línguas; a região do Norte da índia ao Sul da China, com mais 800 línguas; e o aglomerado de ilhas na Ásia que vão da Sumatra à Papua Nova Guiné, com 1.000 línguas sem tradução da Bíblia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário