JESUS NO GETSÊMANI

Quando Jesus foi ao Jardim das Oliveiras (Getsêmani) orar, Ele sabia que a hora da crucificação estava chegando. Em sua companhia foram Pedro, Tiago e João. Eles não foram apenas para fazer companhia, mas principalmente, para aprenderem  a orar. Jesus queria ensiná-los a importância de estar orando em momentos difíceis da nossa vida. Mas, enquanto Jesus orava, o que seus três discípulos faziam? Estavam adormecidos ou quase dormindo. Que terrível isso! Jesus se aborreceu e de-lhes uma grande lição que até hoje ficou para a Igreja: "Então, nem uma hora pudeste velar comigo" (Mateus 26:40b) Que coisa tremenda essa lição de Jesus: "velar comigo ou orar comigo" O que podemos entender disso?

Vemos com muita clareza que Jesus deseja que participemos dos seus sofrimentos, vigiemos diante das adversidades e, principalmente, NÃO DURMAMOS O SONO DA INDOLÊNCIA.

O que é, para nós, o Getsêmani?
a) Lugar de sentirmos os mesmos sofrimentos de Jesus
b) Lugar de decisão
c) Lugar de entrega
d) Lugar de confissão
e) Lugar de angústia
f) Lugar de priorizar o Reino de Deus
g) Lugar de reconhecer que a vontade de Deus é soberana e a melhor, ainda que venha doer a nossa carne

Jesus, como homem, mostrou que o ser humano, muitas vezes, vai pedir ao Pai para não passar por tribulações, por provações, mas Deus quer que entendamos que se faz necessário, para a Sua glória se revelar.
Portanto, entremos no Jardim da Oliveiras, lugar da prensa do azeite, pois lá nos aproximaremos mais do Pai e entenderemos mais a Sua soberana vontade sobre a nossa vida.

Deus vos abençoe.

Por Marlene Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário