Pular para o conteúdo principal

O poder sobrenatural da oração

Deus ordena que o cristão ore.

Para iniciar, observemos como a oração é algo bem antigo e que, homens de Deus já conheciam a sua eficácia e a usava em dias de adversidades:

Salmista: "Buscai ao Senhor e a sua força; buscai a sua face continuamente." (Sl 105:4)
Profeta: "Buscai ao Senhor enquanto se pode achar; invocai-o enquanto está perto." (Is 55:6)
Jesus: "Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; na verdade, o espírito está pronto, mas a carne é fraca." ( Mt 26:41)
"E tudo que pedirdes na oração, crendo o recebereis." (Mt 21:22)
Paulo: "Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração." (Rm 12:12)

Qual o significado da palavra "oração"?

A palavra oração vem de “orar”, que vem do Latim ORARE, de OS, “boca”, de uma base Indoeuropeia OR-, “pronunciar uma fórmula ritual”.
Inicialmente significava “falar”, depois adquiriu particularmente o sentido “falar em público, discursar”.
Daí vêm  nossas palavras “oratória” e “orador”, bem como o verbo “orar”.
Com o advento do Cristianismo, passou a ter também o significado de “falar à divindade, rogar”.

E qual o seu valor?
Bem, a oração é muito mais do que apenas citar palavras.; ela é uma arma poderosa em Deus. É através dela que nos aproximamos e expressamos a nossa comunhão com Ele, e vencemos difíceis batalhas. Mas, o mais importante a citar é que ela é um complemento na vida daquele que entrega a sua vida a Jesus. Visto que passsamos a ser não mais a mesma criatura, e sim uma nova criatura feita em Jesus Cristo, entendemos daí que passamos de uma vida natural para uma vida espiritual em Deus. Mas o que significa isso? Bem, significa que a partir daí a nossa comunição com Deus é a oração.

Mas, o que falar daquelas orações em que pessoas que não servem a Deus fazem a outros deuses? Bem, nosso foco aqui não é exatamente este, mas podemos concluir que orar é falar com Deus. Quanto às outras pessoas que "falam", não com o Deus verdadeiro, e sim com pessoas que não podem ouvir e nem mesmo socorrer, entendemos que essas mesmas pessoas não estão possuindo a mesma arma poderosa que Jesus nos entregou. Elas estão enganadas pela sua incredulidade. O que vai fazer a diferença na oração é justamente no nome em que estaremos orando. Esse é o diferencial.

Veja:
"E tudo quanto pedirdes em meu nome eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho.
Se pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei."João 14:13-14


Quando lemos a carta de Tiago 5:13-18 podemos enxergar verdades de Deus que homem algum poderá modificar:

"Está alguém entre vós aflito? Ore. Está alguém contente? 
Cante louvores.
Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor;
E a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados.
Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.
Tiago 5:13-16

A oração nos leva a uma maior intimidade com Deus. É através dela que eu alcanço: 
1) Sabedoria: "E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada." Tiago 1:5

2) Santificação:  "Porque pela palavra de Deus e pela oração é santificada." 1 Timóteo 4:5

3) Avivamento: "E, tendo orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo, e anunciavam com ousadia a palavra de Deus." Atos 4:31

4) Poder: "Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas, com as mulheres, e Maria mãe de Jesus, e com seus irmãos." Atos 1:14

Conclusão: A Igreja nasceu debaixo do poder da oração. É esse poder que move a mão de Deus ao nosso favor. É através da oração que destruimos fortalezas de satanás e glorificamos a Deus. Precisamos orar. Jesus nos deu esse exemplo. Ele era um homem que, mesmo sendo Deus, sabia que enquanto estivesse em sua natureza humana iria precisar do poder da oração em nome do Pai. A sua vida foi exemplo para nós. Ele venceu quando foi tentado no deserto. 
Portanto, ore, sinta a necessidade de orar, seja em dias de festa ou dias de luto, mas ore. Reconheça que, sem a oração, o motor da nossa vida vai parar.

Deus vos abençoe.
  
E, tendo orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo, e anunciavam com ousadia a palavra de Deus
Atos 4:31go 1:5
Autora: Marlene Mello

Está alguém entre vós aflito? Ore. Está alguém contente? Cante louvores.
Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor;

E a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados.

Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.
Tiago 5:13-16



Buscai ao SENHOR e a sua força; buscai a sua face continuamente.
Salmos 105:4
Buscai ao SENHOR e a sua força; buscai a sua face continuamente.
Salmos 105:4

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que significa "Afasta de mim esse cálice"?

“E adiantando-se um pouco, prostrou-se com o rosto em terra e orou, dizendo: Meu Pai, se é possível, passa de mim este cálice; todavia, não seja como eu quero, mas como tu queres” (Mt 26:39)
 Uma notável discussão surge com relação ao verdadeiro significado do “cálice” citado por Jesus em Mt 26:39-42; Mc 14:36 e Lc 22:42.
 Essa discussão envolve: 1. A afirmação de que este cálice seria o medo de Cristo frente ao martírio que viria a acontecer; 2. A afirmação de que este cálice seria o medo de Cristo frente ao desconhecido que estaria por vir; 3. A afirmação de que este cálice seria o horror e a angústia que Cristo sentia diante do fato de saber que estaria sendo levado frente ao julgamento Divino.
 Com isso estabelece-se a discussão, e por isso se faz necessário analisar cada uma das afirmações citadas na busca pela compreensão do real significado do texto bíblico.
1. Medo frente ao martírio que viria a acontecer.
 Será que Cristo tinha medo de morrer?
 Ora, por diversas vez…

Salmos 90:12

"Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos coração sábio." A cada dia estamos ficando velhos. Partes do nosso corpo já funcionam de maneira diferente ao que funcionavam há alguns anos atrás. Não fique triste por isso. Alegre-se, pois isso está ensinando que a vida terrena não é eterna, pois o melhor já está preparado para possuirmos: um novo corpo glorificado. Quando contamos os nossos dias, valorizamos cada instante proporcionado por Deus. Aprendemos a viver bem aqui, para, assim, conhecermos a verdadeira vida prometida por Deus. Contar os nossos dias é saber que "todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus", é poder dizer "tudo posso naquele que me fortalece", é dizer ao Pai: "seja feita a Sua vontade", é "entregar o caminho ao Senhor, confiar Nele, sabendo que tudo que necessito será acrescentado". Estas são as maravilhas de Deus para os seus filhos. É Ele mesmo que nos convida a contarmos cada …
A profecia bíblica não serve para satisfazer a pura curiosidade nem para especulações malucas ou para “revelações” particulares. Pelo contrário, ela nos fará praticantes da Palavra, cristãos com Jesus no centro de suas vidas, que vivem e agem de acordo com essa realidade. O próprio Senhor nos exorta a analisar o tempo em que vivemos à luz da profecia bíblica. Profecia hoje: sinais dos tempos Quando os fariseus e saduceus tentaram o Senhor Jesus pedindo-Lhe que mostrasse um sinal do céu, Ele lhes respondeu: “Chegada a tarde, dizeis: Haverá bom tempo, porque o céu está avermelhado; e, pela manhã: Hoje, haverá tempestade, porque o céu está de um vermelho sombrio. Sabeis, na verdade, discernir o aspecto do céu e não podeis discernir os sinais dos tempos?” (Mt 16.2-3). Os religiosos daquela época não perceberam que o maior sinal de todos os tempos encontrava-se, em carne e sangue, bem à sua frente, e este era o Salvador Prometido. E hoje, diant…