Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 5, 2014

A UNÇÃO QUE VEM DE DEUS

Em muitos momentos da nossa vida esquecemos que Deus nos deu tudo que precisamos, e, por isso, nos portamos de maneira como se não houvesse mais esperança. Mas, a verdade é que Deus já nos revestiu com toda a capacitação para vencermos as tribulações e adversidades que surgem no nosso dia a dia. Em Êxodo 30:22-25 observamos algo muito interessante: "Falou mais o SENHOR a Moisés, dizendo: Tu, pois, toma para ti das principais especiarias, da mais pura mirra quinhentos siclos, e de canela aromática a metade, a saber, duzentos e cinqüenta siclos, e de cálamo aromático duzentos e cinqüenta siclos, e de cássia quinhentos siclos, segundo o siclo do santuário, e de azeite de oliveiras um him. E disto farás o azeite da santa unção, o perfume composto segundo a obra do perfumista: este será o azeite da santa unção.” Observe que o primeiro perfumista a serviço de Deus foi Moisés. Mas esse perfume não era um perfume qualquer. Era a receita do verdadeiro aroma que tinha que existir em tudo que …

Busque em Deus a direção certa

Conselhos são baratos
Quando você estiver buscando a sabedoria de Deus, evite conselhos baratos. Tiago 3.1 diz: “Não vos torneis, muitos de vós, mestres”. Este versículo não se refere ao papel formal de um professor. O contexto envolve provações. Quando vemos alguém passado por provações, amamos dar conselhos. Todavia, as Escrituras nos advertem que sejamos cuidadosos para não darmos conselhos errados. A maior parte das pessoas reage emocionalmente às coisas. Pedro reagiu assim depois que “começou Jesus Cristo a mostrar a seus discípulos que lhe era necessário seguir para Jerusalém para sofrer muitas coisas dos anciãos, dos principais sacerdotes e dos escribas, ser morto e ressuscitado no terceiro dia” (Mt 16.21). Ele afirmou: “Tem compaixão de ti, Senhor; isso de modo algum te acontecerá” (v.22). Jesus, então, repreendeu-o e disse que a reação dele não era de quem cogitava “das coisas de Deus, e sim das dos homens” (v.23). Os cristãos podem dar conselhos ímpios. Às vezes, é um conselho…